Aumento de peso na gravidez

Na maioria das vezes a evolução da gravidez implica um aumento de peso. Mas não é regra e não tem de ser assim! O ganho de peso ideal ao longo das 40 semanas de gestação varia de grávida para grávida, e o cálculo deste valor depende do Índice de Massa Corporal (IMC) da mulher antes de engravidar. Conheço grávidas que perderam peso, ao longo da gravidez, por apresentarem excesso de peso.

É por isso que hoje vos venho dizer que:

Não se pode colocar todas as grávidas na mesma balança!

Em média, excepto nos casos de mulheres com baixo peso ou obesidade, as grávidas devem adquirir cerca de 9 a 12 kg durante as 40 semanas.

O ganho de peso ao longo da gravidez distribui-se pelo útero, placenta, líquido amniótico, tecido mamário, devendo-se ainda à retenção de água e ao aumento das reservas maternas sob a forma de gordura e proteínas.

No início da gravidez, o aumento de peso concentra-se sobretudo na mãe, pelas necessidades acrescidas na produção de sangue com vista a fornecer nutrientes ao feto. Já no final da gravidez, é o bebé que ganha mais peso, adquirindo cerca de 200g por semana.

A vigilância do peso durante a gravidez está integrada na rotina das consultas pré-natais. E é aqui que algumas colegas minhas, dão valentes raspanetes quando a balança dispara! É verdade que o excesso de peso aumenta o risco de desenvolver complicações durante a gravidez e no parto. Mas isto não vai lá com raspanetes! E é o que menos a grávida precisa nesta fase.

Se está com dificuldades em controlar o peso, procure o apoio de um nutricionista. Até lá, siga estes conselhos:

  • faça uma alimentação polifraccionada (intercale as refeições com mini lanches com intervalos no máximo, entre refeições de 2h/3h),
  • inclua sopa nas refeições principais;
  • evite doces;
  • faça a ingestão de pelo menos 1,5l de água;
  • pratique exercício.

 

Partilhar

Chamam-me Fada, ou Encantadora de Bebés! Mas na verdade sou Mãe, Mulher e Enfermeira. 

Sou uma Mulher madura, com formação na área da Saúde (enfermeira), sempre trabalhei no meio hospitalar e em paralelo desenvolvi um projecto pioneiro em Portugal chamado Kuantos Meses (Serviços pré e pós-parto).

Sou mãe de dois filhos, a Joana com 20 anos e o André com 16 anos. Com o crescimento deles surgiram novos interesses, como por exemplo o desporto e a fotografia. Associado ao desporto, uma alimentação saudável e um estilo de vida novo. Recentemente foi-me diagnosticada uma doença Auto-imune – Miastenia Gravis. Uma doença desconhecida para muitos e com a qual eu ainda estou aprender a viver. Sempre fui muito activa e sempre encarei os obstáculos como oportunidades para realizar novos projectos – Agora chegou o momento de fazer nascer o BLOG 

Femme

balança, gravidez, IMC, Índice massa corporal, Liquido Amniótico, nutricionista, Peso, Placenta, quilos, útero

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *